Primeiros Dias – Capacitar e Apoiar

Quantos de nós já nos deparámos com famílias nos primeiros dias após o parto e sentimos que não sabemos o suficiente para as apoiar?

Olhamos para aquela mãe e para aquele bebé e sentimo-nos muito inseguros. Porque é que a mãe tem dor na amamentação? Será que há transferência de leite? Será que o bebé está a comer? A aumentar bem de peso? Será que vai desidratar?

Se já te sentiste assim, esta formação é para ti.

Sabemos que o sucesso da amamentação depende, em grande parte, do que acontece nos primeiros minutos, horas e dias de vida do bebé. Da experiência de parto e do apoio e acompanhamento à família no pós-parto.

Existe um contexto hormonal e fisiológico que deve ser apoiado e potenciado para que tudo flua. Os bebés já vêm programados com os seus instintos para mamar, estando também as mães, fisiologicamente, preparadas para amamentar. Mas… por algum motivo , este processo fisiológico pode sofrer interferências, não ocorrendo como esperado.

Quando há alguma disrupção desta envolvência hormonal surgem os desafios e em específico os desafios à amamentação.

Com o teu apoio, é possível intervir e resgatar o que está a fluir menos bem, melhorando as taxas de amamentação e a satisfação com a amamentação por parte das mulheres.

Avaliação multidisciplinar da função orofacial do bebé

Muitas vezes na nossa prática clínica diária, chegam à consulta famílias com bebés que apresentam alterações orofaciais.

Por outra palavras, mães com dor e lesões no mamilo e bebés com dificuldade na transferência de leite.
O que é ainda mais comum? Os profissionais de saúde terem muitas dúvidas. Não saberem como agir. Será um freio? Pior: desvalorizarem por completo o impacto que um freio pode ter.

Mas deixa-nos contar-te um segredo:
Os freios têm grande implicação na amamentação, na introdução alimentar, no desenvolvimento oro-facial e na vida adulta.

Por exemplo…. se não souberes identificar um freio curto e se não souberes qual é o impacto dele na amamentação… como podes apoiar estas mães?

É por isso que o Curso “Avaliação Multidisciplinar da Função Orofacial do Bebé” é essencial para ajudares e saberes agir perante as alterações orofaciais do bebé que comprometem a amamentação.

O bebé e as Pontes para o Mundo

Para apoiar na amamentação não basta saber as técnicas, não basta olhar para os números, não basta olhar só para a mãe ou só para o bebé. É preciso observar e valorizar a história dos intervenientes individualmente e em conjunto.

Contamos com a sensibilidade, espirito crítico de duas pessoas que muito têm feito pelos bebés e as suas famílias – O Dr. Carlos González e a Constança Cordeiro Ferreira, também conhecida como Fada dos bebés!

Princípios Básicos da Lactação Humana

SOBRE A FORMAÇÃO

Desenhámos esta formação a pensar nos profissionais de saúde que trabalham com bebés e famílias. O objetivo é que adquiram mais competências para a sua prática clínica habitual. A formação tem uma componente teórica e prática com discussão de casos clínicos.

Apoiar, capacitar e emponderar é aquilo que um profissional de saúde capacitado faz quando o tema é amamentação, e será esse grande objetivo da nossa formação.